Maior e mais importante mercado do Oriente Médio, a Arábia Saudita mantém um embargo à carne brasileira há três anos, por conta de um caso de suspeita de “doença da vaca louca” no país, que acabou não se confirmando.

A Ministra disse a Rodrigues que irá iniciar uma viagem internacional na próxima sexta, dia 6, tendo a Arábia como primeira parada. Ali ela assinará um acordo formal de liberação do produto brasileiro. 

Para o presidente da Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carne (Abiec), Antonio Camardelli, a medida pode significar a abertura de outros países da região.

 

Qualidade e preço

De acordo com o comentarista do Canal Rural Miguel Daoud, a Arábia Saudita tomou essa decisão porque o produto brasileiro ficou muito barato. “Uma carne com a qualidade da nossa e a esse preço em que está, não tenha dúvidas, todos querem comprar”, diz ele.

Segundo Daoud, o Brasil passou por uma grande evolução sanitária, refletida em exportações de carne de animais livres de vacinação e com vacinação, que o faz atingir um patamar significativo de qualidade. No entanto, ele se preocupa com a proposta  do Ministério da Agricultura de terceirizar a inspeção sanitária.

Fonte: Globo Rural - publicado em 05/11/2015

 


BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS