Pequim - O presidente da China, Xi Jinping, disse nesta terça-feira em uma reunião com graduadas autoridades de que o governo deve trabalhar para impulsionar o ímpeto do crescimento, no momento em que este dá mais sinais de fraqueza na segunda maior economia mundial.

A China deve acelerar reformas em companhias estatais e nas áreas fiscal e financeira, para ajudar a melhorar o crescimento, disse Xi na reunião, segundo a agência estatal Xinhua.

 Apesar de uma série de medidas de estímulo do governo, o crescimento econômico chinês desacelerou para 6,9% no terceiro trimestre deste ano, seu desempenho mais fraco desde a crise financeira global. Indicadores econômicos em outubro apontaram para uma maior desaceleração, em meio à fraqueza nas demandas doméstica e global.

 Xi também se comprometeu a estabelecer um mercado de ações que possa proteger os interesses dos investidores, após Pequim dizer na semana passada que retomará em breve as ofertas públicas iniciais de ações (IPOs, na sigla em inglês) depois de uma suspensão de quatro meses.

O presidente disse ainda na reunião que o registro de moradias no país, conhecido como sistema hukou, deve ser reformado em um esforço para acelerar a urbanização. O governo precisa trabalhar para elevar a quantidade de imóveis disponíveis e manter um crescimento sustentável no mercado imobiliário, afirmou o líder.

 Fonte: Folha Vitória - publicado em 10/11/2015


BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS